logoHomeInferior

content muda3O Projeto Muda era, inicialmente, integrado por alunos do curso de Engenharia Ambiental da UFRJ. Ao longo dos anos, agregou estudantes de outras graduações, além de alunos da pós-graduação, professores e não universitários. A intenção do grupo é testar e disseminar soluções harmônicas para a vida urbana e rural, a partir dos conceitos agroecologia, permacultura e tecnologias sociais, possibilitando a geração de renda, a solução de problemáticas ambientais locais, a melhoria da saúde individual e coletiva, além de promover a aproximação entre campo e cidade. São buscadas, desde então, soluções baseadas na ética e nos princípios da Permacultura e da Agroecologia, de modo a favorecer a consolidação de culturas sustentáveis num contexto de urbanização e preservação da natureza. O grupo se organiza através da autogestão e liderança circular. Em resumo, as decisões, o planejamento e a execução das ações do projeto estão sob o controle de cada integrante e as tarefas são distribuídas a partir da demanda, aptidão e interesse individuais. 

O MUDA tem uma área experimental denominada Laboratório Vivo de Agroecologia e Permacultura (LaVAPer), localizada no estacionamento do bloco A do Centro de Tecnologia da UFRJ, que tem o objetivo de se consolidar enquanto Centro de Tecnologias Sociais pela interação das atividades de extensão, pesquisa e ensino, em um espaço laboratorial vivo e aberto a visitação. Para o desenvolvimento e a manutenção do espaço, são realizados mutirões semanais, planejados coletivamente. A prática está associada à teoria, visto que se preza tanto pelo planejamento integrado, quanto pela execução e observação dos experimentos. O conjunto destes integra o Centro de Tecnologias Sociais, contemplando a experimentação, o desenvolvimento e a difusão de tecnologias sociais.

Baseamos nossas ações em cinco linhas de ação: Tecnologias Sociais em Comunidades, Educação Ambiental, Prosumidores, LaVAPer e Comunicação. Realizamos, além de pesquisas, atividades de extensão na Maré, na Vila Residencial da UFRJ,  em instituições de ensino e com agricultores da Feira Agroecológica da UFRJ. Tais atividades de extensão se estruturam na forma de minicursos, oficinas, vivências e visitas. Fazemos parte das Redes de Grupos de Agroecologia – REDE UFRJ, REGA RJ e REGA Brasil, bem como do Núcleo Interdisciplinar para o Desenvolvimento Social da UFRJ – NIDES/CT UFRJ.

Para mais informações: muda.poli.ufrj.br/

Topo